Avançar para o conteúdo principal

Último mandato?

Do discurso de apresentação da candidatura do Sr. Vieira, retive alguns pontos: 

-Último mandato 
-Sucesso desportivo na última década 
-Aposta na componente desportiva 
-Abertura às candidaturas oponentes 
-Reafirmação na aposta no Seixal 
-Sistema de votação "Conselho Estratégico" 

De resto no discurso e na atitude do actual Sr. presidente já nada me espanta. 

Até as lágrimas do final. 

Nada. 

E pouca coisa pode ser ouvido sem que uma contradição possa ser encontrada. 

Vamos por partes; 

Último mandato? 

Declaração salutar mas que talvez exija que se apresentasse as razões. E já agora espero que o programa eleitoral detalhado (vai haver, não?) nos esclareça quanto ao propósito ou não de repetir a OPA. 

A última década foi a segunda com maior sucesso desportivo na história do Clube? 

Reforço do prestígio internacional? Uma falácia completa. 

Que contas são essas? Que realidade estamos a falar? Aposta futura na componente desportiva? A Direcção deixará de privilegiar as mais-valias financeiras e de celebrar vendas? 

Começa quando? É que ainda agora se vendeu o melhor defesa e o melhor avançado do plantel? 

Conselho fiscal com representantes das listas adversárias? Impressiona pouco quando se sabe que saída de elementos dos Orgãos Sociais é coisa trivial e que é pouco explicada e pouco incómoda o Sr. presidente. 

E depois a avaliação sobre mérito ou demérito das listas oponentes? Então as boas ideias alheias são só aquelas ideias que o Sr. presidente já concretizou? O resto são más ideias. 

E é com esta apreciação prévia dos adversários que se oferecem lugares a membros da oposição? 

E depois não há disponibilidade para debates com candidatos oponentes? Não? Que respeito é esse relativamente à tradição democrática do Clube? 

Seixal? A aposta é para continuar? 

Como vai compatibilizar essa valorização com um treinador que nunca apostará em jogadores do Seixal?  

Sistema de votação? 
Assembleias de voto em todas as capitais de distrito? 
A ideia é virtuosa mas interessa ver como se concretiza a ideia. 

Terão de ter um representante da cada lista oponente e ter sistema de votação (electrónico e papel) idêntico ao de Lisboa. 

Conselho Estratégico? Então agora o Benfica vai passar a ter uma espécie de Grupo Stromp? 

Absurdo num Clube democrático e que nunca teve essas tradições de elitismo. Espera-se melhor esclarecimento. 

O Clube é dos sócios, sim Sr. presidente. E há que ser consequente. 
Debata. 
Esclareça. 
Respeite a História democrática do Sport Lisboa e Benfica.

Victor Carocha
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

1 comentários

  1. Se o Trafulha conseguir concretizar os seus intentos de entregar a maioria da SAD aos chineses ou árabes, não precisa do cargo de Presidente do Clube para se perpetuar como Presidente da SAD.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Apoio de:


Aleatórios

Mensagens populares

As escutas do Apito Dourado foram totalmente legais

    Apito Dourado, a grande mentira das escutas   "Passaram esta quinta-feira 18 anos de um dos maiores escândalos da justiça e mais uns quantos da perpetuação de uma das maiores mentiras que alimenta o mundo do futebol."

A Máfia, a Maçonaria e o Apito Dourado

Costuma dizer-se que "a verdade é como o azeite, mais tarde ou mais cedo vem à superfície". Apareceu agora o testemunho do ex-juiz José Costa Pimenta, um antigo juiz reformado compulsivamente. A Maçonaria manda na justiça em Portugal. pulpuscorruptus.blogspot.com Mas a lei das escutas foi alterada, posteriormente em 2007 (governo Sócrates).

Carta à Cofina

Exmos. Senhores. Começo por vos dizer que sou um Benfiquista e sócio de 4 dígitos. A minha simpatia por tudo quanto é Cofina é nula...como nula é a vossa simpatia pelo meu Glorioso. Neste interim, estamos empatados. Quando estão disponíveis nos cafés, leio por alto as capas do CM, e no Record apenas aquelas duas páginas que dedicam ao Benfica. (normalmente são já notícias requentadas). O Record é mais pró-Sporting. Todos nós sabemos e isso até é o que menos me importa. Cada Jornal segue a linha que quiser. Só compra quem quer! Em casa, passo algumas vezes pela CMTV, mas como as notícias do "assassino" do "pedófilo" da "greve" do "homicida" dos "incêndios" etc etc.. se repetem, repetem, repetem até à exaustão, perco-lhes o interesse e mudo de canal. Mas é outro o assunto que me levou a escrever-vos. Os programas de desporto que vocês exibem todas as noites, onde a barulheira é tal que não se percebe nada do que dizem, a CMTV não