Avançar para o conteúdo principal

Parabéns também ao canoísta Fernando Pimenta

Pedro Pablo Pichardo sofreu na pele uma nova forma de racismo. 

O pior de todos, que é o racismo da inveja e da dor de cotovelo, do ressabiamento e da ciumeira, comandada por um nojo de atleta que não sabe perder e ocupar o seu lugar de insignificância no actual panorama do atletismo. 

Esse palerma inútil chama-se Nélson Évora e devia ter vergonha na cara quando vem falar em processos de naturalização, por certo que não tem espelhos em casa, para poder ver a triste figura que anda a fazer, secundado por uma hipócrita comunicação social discriminatória, que pelos vistos se juntaram numa frente ofensiva de jogo baixo e rasteiro, que julgavam que em Portugal só existiam mamões e mamonas e os outros, até por representarem outras cores clubísticas, não tinham razão de existir. 

Azar dos Távoras, Pedro Pablo Pichardo subiu como uma águia ao lugar mais alto do pódio, conquistando humildemente a medalha de ouro olímpica, num salto imenso contra todos os seus detractores, que deixou no chão a corroerem-se de azia, fazendo 17 metros e 98 centímetros. 

Há para aí muitos patriotas da treta que nunca fizeram nada pelo país, e se ouviram tocar o hino nacional e subir a bandeira portuguesa, em Tóquio, foi graças ao esforço e perseverança deste enorme atleta. 

Quanto aos invejosos e aos incapazes de lá chegar, espetava-lhes com boa vontade nas trombas a medalha do desprezo, que é a única que merecem. 

Parabéns também ao canoísta Fernando Pimenta, medalha de bronze na prova K1-1000 metros, que além de ter ganho a melhor medalha da sua vida, o nascimento da sua filha Margarida, veio comprovar mais uma vez a sua enorme regularidade no panorama da canoagem, só perdendo para os húngaros, hoje em dia a maior potência mundial neste desporto. 

Jorge Jesus dedicou a vitória do Benfica a alguém que está fortemente indiciado de ter andado a roubar o Benfica, o que revela que este treinador não tem qualquer respeito pelo clube que lhe paga um ordenado principesco todos os meses, e se pretendeu ser grato com alguém que foi ingrato para com o Benfica, então faça um favor aos benfiquistas, no final da época desande de vez, pois certamente que sem estas duas figuras nefastas, o Benfica só fica a ganhar. 

Já agora é tão amigo e reconhecido a Vieira, porque não se oferece para lhe ajudar a pagar a caução. Ou só é amigo da boca para fora? 

 Escrito por; Namouche
(NGB)
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

0 comentários

Apoio de:


Aleatórios

Mensagens populares

As escutas do Apito Dourado foram totalmente legais

    Apito Dourado, a grande mentira das escutas   "Passaram esta quinta-feira 18 anos de um dos maiores escândalos da justiça e mais uns quantos da perpetuação de uma das maiores mentiras que alimenta o mundo do futebol."

A Máfia, a Maçonaria e o Apito Dourado

Costuma dizer-se que "a verdade é como o azeite, mais tarde ou mais cedo vem à superfície". Apareceu agora o testemunho do ex-juiz José Costa Pimenta, um antigo juiz reformado compulsivamente. A Maçonaria manda na justiça em Portugal. pulpuscorruptus.blogspot.com Mas a lei das escutas foi alterada, posteriormente em 2007 (governo Sócrates).

Carta à Cofina

Exmos. Senhores. Começo por vos dizer que sou um Benfiquista e sócio de 4 dígitos. A minha simpatia por tudo quanto é Cofina é nula...como nula é a vossa simpatia pelo meu Glorioso. Neste interim, estamos empatados. Quando estão disponíveis nos cafés, leio por alto as capas do CM, e no Record apenas aquelas duas páginas que dedicam ao Benfica. (normalmente são já notícias requentadas). O Record é mais pró-Sporting. Todos nós sabemos e isso até é o que menos me importa. Cada Jornal segue a linha que quiser. Só compra quem quer! Em casa, passo algumas vezes pela CMTV, mas como as notícias do "assassino" do "pedófilo" da "greve" do "homicida" dos "incêndios" etc etc.. se repetem, repetem, repetem até à exaustão, perco-lhes o interesse e mudo de canal. Mas é outro o assunto que me levou a escrever-vos. Os programas de desporto que vocês exibem todas as noites, onde a barulheira é tal que não se percebe nada do que dizem, a CMTV não