Avançar para o conteúdo principal

Acorda Benfica!

LFV tem que ser dado como inapto e inabilitado de exercer a presidência do Benfica, porque este traidor fere e ofende os estatutos do Glorioso, pela simples razão de que ele assume e toma resoluções contra os interesses do próprio clube, em benefício próprio ou de terceiros, o que num plano mais jurídico e mais técnico, pode configurar uma usurpação e extrapolação de poderes, e não é isso que os sócios, verdadeiros representantes e donos do clube, votam nas eleições e legitimam mandatos, abrindo-se aqui uma oportunidade única para a destituir o citado do cargo de presidente. 

Há provas mais que suficientes que a gestão feita por LFV no Benfica é danosa e prejudica a sustentabilidade financeira do clube, tantas vezes disfarçada e camuflada com antecipações de receitas e empréstimos obrigacionistas, como estava habituado a fazer nas suas falidas empresas e o colocam hoje no gangue dos maiores devedores do país. 

Os sócios do Benfica, estatutariamente, têm as armas e as ferramentas necessárias para agirem em conformidade contra este desmando e abuso, e usá-las a preceito é uma questão de direito outorgado, que não declina nem obedece a qualquer pretexto falacioso de que venceu as eleições. 

Se só isso bastasse, então as más práticas e as más condutas nunca seriam penalizadas e castigadas. 

Acorda Benfica! 

 Namouche
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

0 comentários

Apoio de:


Random Posts

Mensagens populares

FC Porto: Suspeitos de manipulação de resultados

Dirigentes do FC Porto são também suspeitos de manipulação de resultados. 15 jogadores envolvidos no esquema que envolverá Pinto da Costa. Fundos desviados da SAD do FC Porto terão também servido para financiar a alegada manipulação de resultados desportivos e actividades de dirigentes dos Super Dragões.

Benfica, um novo rumo

O regresso de Jorge Jesus ao Benfica deveu-se a critérios não desportivos. A forte oposição que se perfilava para as eleições de 2020 a Filipe Vieira impunha uma aposta mobilizadora dos sócios.

Vieira pôs o Benfica na sargeta!

Desde há um ano que me afastei das "coisas do Benfica".  Até  devolvi o meu cartão de sócio por não me rever no que era o Benfica do vigarista Vieira;  logo eu, que era (e sou, basta ir lá levanta-lo...) sócio de 4 dígitos, qualquer coisa como 6 mil e picos.

A VINGANÇA SÉRVIA(-SE) FRIA!

À ortodoxia do futebol prático e eficiente praticado pela Sérvia, contrapôs Portugal com a catolicidade de um futebol beato e conservador.  O beato Fernando Santos, bem ungido de orações e preces, acendeu uma vela ao Senhor dos Aflitos, que com a agenda totalmente preenchida para questões políticas não foi a tempo de o ajudar e agora o nosso engenheiro, triste e cabisbaixo,