Avançar para o conteúdo principal

EU, VIEIRISTA, ME CONFESSO

https://www.facebook.com/tiagojcgodinho/posts/10213903661504491  
-----------

Votei nas listas à direcção lideradas por Luís Filipe Vieira em 2003, 2006 e 2009.

Votei em 2003 pela esperança, a entrada de Luís Filipe Vieira no clube significou em 2001 uma aposta forte no futebol. Foi por isso que depois de um desastroso sexto lugar no campeonato, foi possível ter no jogo de apresentação contra a Fiorentina no Verão de 2001, 80 mil espectadores no Estádio da Luz. 

As contratações de Argel, Zahovic, Drulovic, Simão Sabrosa e Mantorras empolgaram os adeptos do clube. No ano seguinte as contratações de Tiago, Ricardo Rocha e o regresso de Nuno Gomes tiveram forte impacto, num clube que parecia ter um racional de apostar em jovens portugueses de muito potencial numa mistura com outros mais experientes. 

A contratação de um treinador prestigiado e com cartel como era na altura Jose António Camacho foi também um passo em frente naquilo que era a gestão desportiva do clube. 

O regresso à Europa depois das ausências de 2002 e 2003, estava concretizado numa altura em que para vencer em Portugal não chegava ser melhor no campo.

Depois, como esquecer o festejo do campeonato de Futsal em Loures, onde até de modalidades Luís Filipe Vieira parecia um enorme entusiasta? :)

Votei em 2006, pelo reconhecimento do trabalho que tinha sido efectuado, desde a campanha de angariação de sócios - mal sabia eu que a estratégia chantagista ia ser uma marca indelével de Luís Filipe Vieira - que teve um retorno extraordinário na captação de novos associados, aliado a um Benfica mais competitivo, que 11 anos depois voltou a conseguir ser campeão de Portugal, vencedor de uma Taça de Portugal - até na invasão ao estúdio da SIC apreciei, é verdade no Sport Lisboa e Benfica por regra o Presidente tem que ter classe, mas existem momentos na vida em que é preciso ser bélico e na altura era isso que se exigia a quem liderava o clube - o retorno de um Benfica competitivo na Europa, como não recordar a eliminatória da UEFA onde caímos em Milão nos oitavos-de-final numa ingrata derrota por 4-3, o fantástico feito de regressados à nossa prova de eleição, a Liga dos Campeões, termos eliminado o Manchester United na fase de grupos e logo de seguida eliminar nos oitavos-de-final o campeão em título Liverpool com duas vitórias?

Nas modalidades, o clube começava a reinar no Futsal, sendo que a competitividade das outras modalidades de Pavilhão ia paulatinamente melhorando tendo ficado este período marcado pelo regresso dos títulos de campeão no Voleibol, 14 anos depois do último.

A inauguração do centro de estágios do Seixal, estrutura fundamental para o futebol profissional e para a formação.

Por ter estado à altura da história do Sport Lisboa e Benfica, em dois dos momentos mais difíceis na nossa história, como foram os falecimentos de Miklos Feher ou de Bruno Baião.

Por fim, a liderança no processo Apito Dourado, onde Luís Filipe Vieira foi intratável (incompreensível é perceber agora o apoio a tantas figuras desse tempo negro do futebol português).

Votei em 2009, apesar do péssimo desempenho desportivo que fez com que em três épocas tivéssemos ficado sempre abaixo do 2 º lugar, sendo que as únicas conquistas nestes 3 anos limitaram-se a uma taça da Liga.
Votei pelo reconhecimento do trabalho efectuado nos anos anteriores, votei porque finalmente tínhamos alguém que percebesse de futebol - depois da saída de José Veiga - Rui Costa, que soube construir uma equipa notável na época 2008/09, infelizmente só não acertando no treinador. 

Votei porque estava novamente e sob a liderança de Rui Costa a ser criada uma equipa que fazia sonhar que era possível voltar a vencer em Portugal de forma regular. 

Votei porque nas modalidades era notório o trabalho desenvolvido, os títulos de Andebol, Basquetebol o domínio expressivo no Futsal e aquele que começava a iniciar no Atletismo. 

Votei pela criação da BenficaTV, que tornava cada vez mais perto o fim do reinado da SportTV.

A partir daqui deixei de votar em Vieira porque:

- A fanfarronice desnecessária no pós título de 2010, desvalorizando por completo o trabalho de Rui Costa (como é possível aceitares isto faz 10 anos, Rui...);

- A aprovação de uns estatutos, feitos na ressaca da vitória, com o claro intuito de criar condições para a sua perpetuação no poder;

- A horrível época de 2010/11, desportivamente um fracasso que ainda conseguiu ser pior pela forma como não soubemos enquanto instituição estar à altura do momento, primeiro não tendo orgulho suficiente para no campo impedir os festejos do FC Porto, depois pela fraqueza do triste espectáculo de com atitudes similares que sempre criticámos no rival o tentar impedir de festejar.

- A AG de Junho de 2011, onde o homem que liderava o clube fazia dez anos, admitia que festejou-se demais o campeonato de 2010 - como se no Sport Lisboa e Benfica uma direcção seja ela qual for não soubesse que o título mais importante é sempre o seguinte - do não assumir as culpas dessa época fazendo um autêntico passa culpas, desde o treinador (exactamente aquele que agora parece ser o salvador do Vieirismo), aos jogadores e até os adeptos tiveram direito a uma quota parte da responsabilidade;

- A incompetência de perdermos um campeonato como em 2012, quando metade do caminho tinha sido feito;

- A incompetência em não conseguir preparar épocas desportivas de forma atempada fazendo que a substituição de um lateral esquerdo, parecesse a substituição do único que mereceu em vida uma Estátua à frente do Estádio do Sport Lisboa e Benfica;

- A constatação que vender é mais importante que ser competitivo desportivamente, só isso explica as vendas em cima do fecho de mercado de Javi e Witsel em 2012, da venda em Janeiro de Matic (14), Enzo (15) ou Gonçalo Guedes (17).

- A falta de liderança quando o principal responsável do clube deixa-se intimidar na casa dos rivais, preferindo ficar trancado no balneário antes de dar o exemplo;

- O apoio a um dos dirigentes do Apito Dourado para Presidente da FPF;

- As manifestações de carinho para com personagens como Valentim Loureiro;

- A vida dada à SportTV com a venda dos direitos televisivos do clube à NOS, permitindo o ressurgimento de um canal que por tantas e tantas vezes destratou o Sport Lisboa e Benfica;

- A incapacidade de defender os adeptos do Sport Lisboa e Benfica, que nunca regateiam no apoio ao clube;

- A incapacidade de colocar o Sport Lisboa e Benfica de forma regular nas principais decisões na Liga dos Campeões, em 13 participações na Liga dos Campeões (06,07,08,11,12,13,14,15,16,17,18,19,20), só por quatro vezes conseguimos alcançar os oitavos-de-final da competição;

- A falta de transparência em muitas das transferências que tem marcado os últimos anos, de Roberto, a Garay ou passando pelos Luquinhas desta vida;

- A incapacidade de criar uma verdadeira hegemonia interna, sendo exemplo crasso disso a forma como foi gerido o ataque ao Pentacampeoanto numa altura em que os principais adversários estavam afogados em dívidas e mais instáveis que os joelhos do Mantorras.

- A instrumentalização dos canais de comunicação do Sport Lisboa e Benfica, para elevar ao esplendor do ridículo a actual liderança, e por outro lado atacar todos os que ousam criticar a mesma;

- O arrastar do nome do Sport Lisboa e Benfica para processos judiciais, num clube que em mais de cem anos de História jamais tinha visto o seu nome associado a processo menos lícitos;

- O desprezo pela história Democrática do clube ao recusar a debater com candidatos à Presidência do clube;

- O desrespeito pelos associados, ignorando chumbos de relatórios e contas ou orçamentos;

- Os tiques de ditador das Furnas com que trata associados que o questionam em AG's;

- A OPA sem consultar os sócios e onde ninguém conseguiu até hoje perceber qual o seu interesse para o clube, a não ser para aqueles que com ligações com o actual Presidente teriam um lucro espectacular;

- A perda de competitividade das modalidades, que hoje não vence um campeonato de Andebol faz 12 anos, um de Hóquei em Patins faz 4, um de Basquetebol faz 3 e que no Futsal venceu somente 3 dos últimos 10 campeonatos;

Por fim e se tudo o que foi escrito atrás não bastasse, a capitulação na estratégia desportiva na mais que provável contratação de Jorge Jesus.

As eleições de 2020 tem que ser a altura para uma nova liderança, uma liderança que inspire os Benfiquistas, que traga competência aproveitando o que de bom foi feito, mas consiga catapultar o clube desportivamente para uma indiscutível liderança em Portugal e um aproximar aos melhores da Europa. 

Uma liderança que restitua a transparência na gestão e procedimentos no Universo Sport Lisboa e Benfica e a garantia de um retomar à nossa História democrática incentivando o associativismo e participação de uma massa associativa incomparável em Portugal.

Nesta altura existem 3 candidaturas assumidas, provavelmente ainda vão aparecer mais e isso não é negativo ao contrário do que alguns tem escrito, isto é acima de tudo a constatação de um clube vivo, inquieto e que tem massa associativa que espera sempre mais de um clube que enquanto instituição sempre foi um exemplo de ambição em Portugal.

As eleições não são uma disputa entre Vieiristas e não Vieiristas, mas sim a apresentação e discussão de projectos para o futuro do clube e se no passado considerei que Vieira era a solução, hoje considero que devemos agradecer a Luís Filipe Vieira pelo trabalho meritório em muitas áreas do clube, mas está na hora daqueles que querem servir o Benfica assumirem a liderança do clube, trabalhando com competência, com visão para fazerem o clube dar o salto competitivo, seja no futebol ou nas modalidades, para um patamar superior. 

Nada contra ninguém, somente Pelo Benfica.
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

6 comentários

  1. exelente post tudo correta a analise ate a nivel das modalidaddes parabens

    ResponderEliminar
  2. Um texto eloquente que todos os benfiquistas deviam ler e analisar.
    Está tudo aí para quem tem preguiça em pensar! A história está escrita e publicada. Necessita-se de inteligência para pensar nela e decidir em consciência.
    Nunca votei Vieira!
    Em 2003 a fila era tão grande que já não havia tempo para eu votar.
    Em 2003 iniciei a minha luta e combate contra ele pois percebi ao que vinha quando sem escrúpulos antecipou as eleições "POR MOTIVOS ESTRATÉGICOS"!
    Para mim, só poderá haver estratégias em campo que nos levem à vitórias.
    Este oportunista, não se coibiu de mostrar as suas intenções enviesadas no que aos interesses do Sport Lisboa e Benfica dizem respeito!

    RUA VIEIRA!

    ResponderEliminar
  3. PARA FILHOS DA PUTA, VALE TUDO!
    ATÉ AQUILO QUE PARECE SER A "VERDADE" DE UMA GRANDE MENTIRA.
    NUNCA VI TANTO BENFIQUISTA CONTRA O BENFICA.
    NUNCA VI TANTO FILHO DA PUTA.
    NEM NO TEMPO DE VALE E AZEVEDO.
    TODOS VÃO TER A PAGA. DE UMA MANEIRA OU DE OUTRA.
    E O ADMINISTRADOR DESTA PÁGINA, IDEM.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deixei passar esta "pérola literária" só para dizer ao caro anónimo, que é um refinado filho da puta, que já estou a tremer de medo...

      Este anónimo gosta do Benfica sempre a contas com a justiça.

      Eliminar
    2. Mas será que o anónimo das 08,59,será Benfiquista? Não será um Sapo ou um poerco?

      Eliminar

Enviar um comentário



Mensagens populares

Limpinho, limpinho...

Barcelona sem Messi e na falência, foi esta noite uma pera doce para o Benfica que fez tudo para merecer esta gorda vitória e um passo gigante para a passagem na Champions, o que vem a dar mais uns milhares para os depauperados cofres do clube !!!

Este é o Benfica atual

O mal do Benfica é geral, é uma doença que atravessa todo o clube.  Reparemos: apesar de um orçamento global muito avultado para o país que somos, temos a seguinte situação:  - futebol masculino: perdemos vergonhosamente o campeonato e a Taça de 2020; estamos em terceiro lugar, a 4 pontos do primeiro, com duas derrotas vergonhosas nos dois últimos jogos; da Europa, nem vale falar; 

Exmo. Sr. Luís Filipe Vieira

Seguindo-lhe os passos vou enviar-lhe esta carta, não para me queixar de arbitragens, de falta de penaltis, de escassez de golos, de Covid, de escorregões e de outras desculpas esfarrapadas e escarrapachadas  ao estilo rasca de uma qualquer banda desenhada de vão de escada, num dos valores que em tempos a sua leitura elevava o Benfica e orgulhava os benfiquistas – o jornal “O Benfica”.  

Saia mais uma dose de batatas para o Celestino Mouco...

Esta prosa é apenas para um ex-amigo que tive a desdita de conhecer na minha terra natal, ( há horas do diabo...)  fanático do Vieira e do oxigenado que normalmente anda sempre a cheirar-me o rabo.  A cada traque mal cheiroso que dou, toma-o como se Chanel nr. 5 se tratasse.  Caro Celestino Mouco; há dias entraste no meu quintal e zurravas para que eu falasse das 3 batatas que o clube do jorge jesus deu ao Belenenses mas, esta noite, o teu vieira enfardou mais um saco de batatas  em Alvalixo.  O que te  valeu dares 3 batatas ao Belenenses? Bastava 1 batata e guardava 2 batatas para esta noite!  Estamos agora a 9 sacos de batatas atrás do Sportém.  É muita batata, mas espera que por este andar, o batatal do teu vieira vai bater este ano o record da safra de batatas!!! Também estamos a 5 sacos de batatas de distância do Porto, quer dizer que o batatal do teu ídolo está batatando!!! Para chegar ao TITALO, é necessário recuperar 14 toneladas de batatas!  É muita batata para a pequena camio

Síndrome de Estocolmo

Os sócios do Benfica sofrem do Síndrome de Estocolmo, por isso lfv pode fazer ao Benfica o que fez ao Alverca ( Acabou com o clube) que a maioria Benfiquista continuaria apoiar e a defender vieira com toda a garra.  Brevemente seremos um Salgueiros, um Estrela da Amadora, um Alverca.