Avançar para o conteúdo principal

Com o tanso do LFV no comando, o Benfica perde cada vez mais influência nas estruturas do futebol

O Benfica investiu assim-assim, até saber o destino que lhe caberá após o jogo em Salónica, com o PAOK, e se tiver a sorte e o engenho de passar, e defrontar o Krasnodar (já em dois jogos) e conseguir chegar à fase de grupos da champions league, então irá investir mais assim-assado, em mais uma amadora preparação de temporada, só ao alcance de uma direcção incompetente, que perde mês e meio a produzir a telenovela Cavani, contrata uma guarda-redes já lesionado para competir com Vlachodimos, imposto por Paulo Gonçalves, e aterra em Almería, com o GPS na segunda divisão, e desencanta por lá um tal de Darwin Nuñez, também paraguaio, e por coincidência ou não, representado pelo advogado-empresário ou pelo empresário-advogado, que já nos tinha enfiado o Cádiz, hoje a vender hambúrgueres nas terras do tio Sam. 

E é nestas condições de improviso e desenrascanço, sem se ter um plantel devidamente definido e muito menos um onze estável, que nos preparamos para disputar, talvez um dos jogos mais importantes desta época, que dependendo do seu resultado, poderá ter repercussões altamente nefastas no futuro do clube. 

E aqui chegados, mais uma vez ficou por preencher o lado esquerdo e direito da defesa, onde André Almeida e Grimaldo, apesar das insuficiências que denotam, nem sequer têm concorrência para os seus lugares. 

Falta também um verdadeiro número 8, capaz de mexer e dar qualidade ao meio-campo, onde o remediado Taarabt continua a titular e a distribuir sarrafadas para expulsões estúpidas. 

Falta igualmente um avançado de categoria, que não se atrapalhe com a bola e com a baliza, como são os casos de Seferovic e Vinícius, que tudo o que fazem é sempre em esforço e não em qualidade. 

Quanto aos candidatos, já todos percebemos que a máfia azul do norte prefere a continuação de LFV no Benfica. 

Com ele lá é como se não tivesse lá ninguém, tal é a sua insignificância no combate contra a podridão da Liga e da Federação, que continuam nas mãos dos caleches de Pinto da Costa. 

Com o tanso do LFV no comando, o Benfica perde cada vez mais influência nas estruturas do futebol, que fazem gato-sapato do Benfica, prejudicando-o constantemente, é só repararmos no que concerne à arbitragem e ao var, sempre controlados por pessoas afectas aos morcões. 

Não deixa de ser significativo o desprezo que a candidatura de RGS, a primeira aliás a avançar, por parte da comunicação social avençada, receosa da sua vitória, porque com ele a presidente as abébias das entradas no estádio da Luz iriam acabar, porque quem não respeita o Benfica deve ser impedido de entrar nas nossas instalações.

Não sei se já repararam, mas a TVI passou para as mãos da máfia do norte, com o empresário dos barcos Douro Azul à cabeça. 

É preciso estarmos atentos ao que possa vir dali, e as movimentações que estão a haver nos meandros desta estação não auguram nada de bom. 

Em compensação a candidatura de JNL anda nas boas graças da comunicação social avençada, o que não é de admirar, com os apoios dos vendidos à máfia azul, Seara Cardoso e Tinoco Faria, que de benfiquistas têm muito pouco. 

Estejam atentos, sócios e adeptos, ao que vamos percebendo nas entrelinhas, e onde se jogam os interesses no tabuleiro deste jogo já desvirtuado à partida. 

Não se iludam com promessas e propagandas de merceeiros ou de elites mascaradas. 

O Benfica é do povo e a voz do povo tem sempre razão. 

 Escrito por; Namouche
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

2 comentários

  1. Darwin Nuñez paraguaio ???? Só se um natural do Uruguai, passe a ser paraguaio.

    ResponderEliminar
  2. A incompetência do Vieira contamina tudo à sua volta.
    O rei vai nu mas a corte aplaude!
    OUTubro é tempo da República no Benfica.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Apoio de:


Aleatórios

Mensagens populares

As escutas do Apito Dourado foram totalmente legais

    Apito Dourado, a grande mentira das escutas   "Passaram esta quinta-feira 18 anos de um dos maiores escândalos da justiça e mais uns quantos da perpetuação de uma das maiores mentiras que alimenta o mundo do futebol."

A Máfia, a Maçonaria e o Apito Dourado

Costuma dizer-se que "a verdade é como o azeite, mais tarde ou mais cedo vem à superfície". Apareceu agora o testemunho do ex-juiz José Costa Pimenta, um antigo juiz reformado compulsivamente. A Maçonaria manda na justiça em Portugal. pulpuscorruptus.blogspot.com Mas a lei das escutas foi alterada, posteriormente em 2007 (governo Sócrates).

Carta à Cofina

Exmos. Senhores. Começo por vos dizer que sou um Benfiquista e sócio de 4 dígitos. A minha simpatia por tudo quanto é Cofina é nula...como nula é a vossa simpatia pelo meu Glorioso. Neste interim, estamos empatados. Quando estão disponíveis nos cafés, leio por alto as capas do CM, e no Record apenas aquelas duas páginas que dedicam ao Benfica. (normalmente são já notícias requentadas). O Record é mais pró-Sporting. Todos nós sabemos e isso até é o que menos me importa. Cada Jornal segue a linha que quiser. Só compra quem quer! Em casa, passo algumas vezes pela CMTV, mas como as notícias do "assassino" do "pedófilo" da "greve" do "homicida" dos "incêndios" etc etc.. se repetem, repetem, repetem até à exaustão, perco-lhes o interesse e mudo de canal. Mas é outro o assunto que me levou a escrever-vos. Os programas de desporto que vocês exibem todas as noites, onde a barulheira é tal que não se percebe nada do que dizem, a CMTV não