Avançar para o conteúdo principal

LFV E RUI COSTA TERÃO MUITO QUE EXPLICAR!

Esta pseudo hegemonia que o Benfica adregou e reclama para o domínio do futebol cá dentro de portas, e de que LFV tanto se ufana e gaba, não dá bem para perceber se ela se deve à competência(?) desta direcção, que tem desinvestido todos os anos na construção dos plantéis, com o chavão da formação como panaceia do remédio e da cura, ou ao demérito dos adversários que passam actualmente por uma situação terrível de estrangulamentos financeiros.

E não adianta andar-se a dizer que a nossa galinha é mais gorda que a da vizinha ou que porventura tenhamos a carteira mais cheia e equilibrada que a dela, se depois se constata que afinal, e apesar desta depauperação, todavia e ainda assim, ela consegue fazer uma canja melhor que a nossa (pois venceu-nos no campo as duas vezes), e mesmo que só possa fazer compras a fiado (por estar intervencionada), por incrível que pareça, trouxe melhores compras para casa e tem a despensa mais bem apetrechada que nós (porque mais uma vez falhámos nas contratações), e com que cara iremos explicar aos sócios e adeptos uma eventual derrota no campeonato e na final da taça no Jamor?

Com que argumentos, os acomodados LFV e Rui Costa, irão desatar mais este nó apertado perante a circunstância fatal de mais um rotundo falhanço e fracasso, sendo certo que tínhamos a faca e o queijo nas mãos (todas as condições) para agirmos à nossa maneira?

E como deixaram chegar o Benfica à condição limite e desesperante, nesta altura do campeonato, de só se ter dois centrais disponíveis no plantel, deixando irresponsavelmente fechar o mercado de Inverno sem se colmatar esta lacuna e brecha existente no eixo da defesa?

E porventura não saberão, os incompetentes LFV e Rui Costa, que por norma os ataques ganham jogos mas que as defesas é que geralmente ganham os campeonatos?

Como explicam LFV e Rui Costa que de um plantel que conseguiu juntar em simultâneo Luisão, Garay, Lindelof e Rúben Dias, tenhamos chegado ao cúmulo do ridículo e do desprimor, para quem inconscientemente prometeu uma equipa para a Europa, possuirmos apenas Rúben Dias e Ferro (ainda por cima ambos num péssimo momento de forma), Jardel (com lesões crónicas) e Morato que ainda não mostrou nada de relevante na equipa B?

Será que é perante estas constatações de puro desmazelo e negligência que LFV se emociona tanto, sendo até capaz de comover as próprias pedras da calçada, naquela sua táctica, já sobejamente conhecida e utilizada por ele, como uma espécie de chantagem emotiva que lança sobre os sócios e adeptos para que sintam pena e piedade dele e não o abandonem, suplicando-lhes que lhe perdoem todos os erros de gestão cometidos e promessas por cumprir?

Quando LFV se emociona tanto é sinal de que está à rasca e desconfortável com qualquer coisa pessoal, e atrás desta aparente fragilidade de Calimero fingido, virá logo a seguir uma declaração fantasiada de um futuro grandioso e luminoso para o Benfica, nesta fuga estratégica sempre para a frente do tempo, porque para o presente apenas pretende garantir e assegurar o lugar de presidente no Benfica?

LFV sabe que os correligionários e os avençados que o seguem, e que até estão dispostos a morrer por ele e pelas suas doutrinas, numa espécie de fanatismo de quem lê e pratica o “alcorão do Vieira”, tanto nas televisões como nas casas do Benfica, representam uma faixa cada vez mais pequena e descrente nos seus reais propósitos e intenções, que apenas utiliza o nome do Benfica para a sua valorização pessoal e dos amigos, que com OPAS ou sem OPAS os favores são para se pagarem, não vá o cântaro à fonte e um dia deixe lá a asa, e quem tanto apronta um dia lhe chegará a conta, não propriamente do rosário, mas do calvário, porque como diz o bordão popular “ó mar, ó mar, ó mar profundo, antes andar nas ondas do mar que nas bocas do mundo”.

Cada um só tem o que merece!...

Amo-te, Benfica! José Reis
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

0 comentários

Apoio de:


Aleatórios

Mensagens populares

As escutas do Apito Dourado foram totalmente legais

    Apito Dourado, a grande mentira das escutas   "Passaram esta quinta-feira 18 anos de um dos maiores escândalos da justiça e mais uns quantos da perpetuação de uma das maiores mentiras que alimenta o mundo do futebol."

A Máfia, a Maçonaria e o Apito Dourado

Costuma dizer-se que "a verdade é como o azeite, mais tarde ou mais cedo vem à superfície". Apareceu agora o testemunho do ex-juiz José Costa Pimenta, um antigo juiz reformado compulsivamente. A Maçonaria manda na justiça em Portugal. pulpuscorruptus.blogspot.com Mas a lei das escutas foi alterada, posteriormente em 2007 (governo Sócrates).

Carta à Cofina

Exmos. Senhores. Começo por vos dizer que sou um Benfiquista e sócio de 4 dígitos. A minha simpatia por tudo quanto é Cofina é nula...como nula é a vossa simpatia pelo meu Glorioso. Neste interim, estamos empatados. Quando estão disponíveis nos cafés, leio por alto as capas do CM, e no Record apenas aquelas duas páginas que dedicam ao Benfica. (normalmente são já notícias requentadas). O Record é mais pró-Sporting. Todos nós sabemos e isso até é o que menos me importa. Cada Jornal segue a linha que quiser. Só compra quem quer! Em casa, passo algumas vezes pela CMTV, mas como as notícias do "assassino" do "pedófilo" da "greve" do "homicida" dos "incêndios" etc etc.. se repetem, repetem, repetem até à exaustão, perco-lhes o interesse e mudo de canal. Mas é outro o assunto que me levou a escrever-vos. Os programas de desporto que vocês exibem todas as noites, onde a barulheira é tal que não se percebe nada do que dizem, a CMTV não