Avançar para o conteúdo principal

Nigéria e Portugal, só o números de golos é que difere...



Na Nigéria, o Plateau United precisava de vencer o Akurba por 79-0 para subir à primeira divisão, o que acabou por acontecer com 72 golos a serem marcados na segunda parte.



Por outro lado, na partida em que o Police Machine tinha que ganhar ao Babayaro FC por 67-0 para garantir também a promoção, 61 dos golos ocorreram nos últimos 45 minutos do jogo.





A Federação Nigeriana qualificou o que se passou como " um espectáculo alucinante de vergonha",  
 
-----------------------
A mim ninguém me tira da ideia, que,os dirigentes de ambos os clubes  corruptos, fizeram um curso rápido de corrupção ...num clube Tuga...penso eu de que...
.
Anterior
Prev Post
Seguinte
Next Post

3 comentários

  1. "Atão" a equipa que marcou aqueles golos todos, com todo o mérito, e sem ironia, não vai contratar alguns dos craques da equipa que perdeu, não vai pagar por engano viagens a um sítio com praias e não vai dar conselhos matrimoniais ao árbitro da partida? Se calhar, nem vão haver quinhentinhos ....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ....quinhentinhos por cada golo sofrido....penso eu de que...

      Eliminar
  2. Isso não terá sido em Basquetebol? 72 golos em 45 minutos, porra, onde tenho a calculadora?

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Apoio de:


Aleatórios

Mensagens populares

As escutas do Apito Dourado foram totalmente legais

    Apito Dourado, a grande mentira das escutas   "Passaram esta quinta-feira 18 anos de um dos maiores escândalos da justiça e mais uns quantos da perpetuação de uma das maiores mentiras que alimenta o mundo do futebol."

A Máfia, a Maçonaria e o Apito Dourado

Costuma dizer-se que "a verdade é como o azeite, mais tarde ou mais cedo vem à superfície". Apareceu agora o testemunho do ex-juiz José Costa Pimenta, um antigo juiz reformado compulsivamente. A Maçonaria manda na justiça em Portugal. pulpuscorruptus.blogspot.com Mas a lei das escutas foi alterada, posteriormente em 2007 (governo Sócrates).

Carta à Cofina

Exmos. Senhores. Começo por vos dizer que sou um Benfiquista e sócio de 4 dígitos. A minha simpatia por tudo quanto é Cofina é nula...como nula é a vossa simpatia pelo meu Glorioso. Neste interim, estamos empatados. Quando estão disponíveis nos cafés, leio por alto as capas do CM, e no Record apenas aquelas duas páginas que dedicam ao Benfica. (normalmente são já notícias requentadas). O Record é mais pró-Sporting. Todos nós sabemos e isso até é o que menos me importa. Cada Jornal segue a linha que quiser. Só compra quem quer! Em casa, passo algumas vezes pela CMTV, mas como as notícias do "assassino" do "pedófilo" da "greve" do "homicida" dos "incêndios" etc etc.. se repetem, repetem, repetem até à exaustão, perco-lhes o interesse e mudo de canal. Mas é outro o assunto que me levou a escrever-vos. Os programas de desporto que vocês exibem todas as noites, onde a barulheira é tal que não se percebe nada do que dizem, a CMTV não